Languages:
Institute of Culture Brazil Italy Europe
info@icbie.net

Archive: Posts

Dscn2549

A Dead Dragon and a Huge Success!

The most ambitious ICBIE theater production in recent memory delighted the audiences for three nights last week. 

Cidade em Perigo

Here’s what Pietro had to say about it, followed by an introduction to the work and its plot.

(English translation below)

sì, gli spettacoli sono finiti e fino all’ultimo si è avuta suspence sul fatto di andare in scena o no per la solita assenza o impossibilità di alcuni partecipanti… se non fosse stato per Silvia, Meg, Marlene, Marcella, Fabio, ma anche con la passione che Bigod e Julio hanno avuto nel darci una mano e sostituire personaggi mancanti… fino a Lais figlia di Lu che ha imparato rapidamente una parte di una attrice assente  per l’ultimo spettacolo di sabato. Insomma il batticuore e i nervi a pezzi finché l’ultimo di sabato è stato veramente emozionante con un successo di pubblico straordinario: dei 50 posti a sedere tutti occupati, ne abbiamo avuti almeno altri 30 in piedi. Hanno partecipato oltre ovviamente ai genitori e amici anche tante persone del quartiere, tra cui Rominil che ha amato lo spettacolo e persone che in genere non frequentano l’ICBIE, sia adulti che giovanissimi e bambini i quali all’apparizione del terribile Dragão nel buio, hanno cominciato a piangere per la paura… ma alla fine hanno gioito per la sua eliminazione. Insomma trionfo finale del sabato con grande festa insieme a tutti gli spettatori e ognuno ha portato cibi e bevande per sfamare gli attori affamatissimi… purtroppo niente alcolici! Paranaguà, Andrea Gandolfi di Bologna, Mauro Porru, Carlo Loria e famiglia, Raoul Poleggi, altra gente di teatro ci hanno fatto sentiti complimenti per le musiche, la bravura dei neo attori, i disegni di Bigod, la regia e il testo revisionato di alto contenuto sociale. Le foto sono tre mie e la maggioranza dell’ospite di São Paulo Daniel Varoni, che bisognerà citarlo. Credo però che anche Paranaguà ti manderà le sue che sono proprio di sabato sera, con più pubblico. Le foto allegate riguardano la seconda replica di venerdì.

Introdução

Cidade em perigo é uma versão atualizada por Pietro Gallina com musicas de J. Cabral elaboradas por Roy Zimmerman da famosa peça teatral O Dragão Verde de Maria Clara Machado apresentada pela primeira vez, no Teatro Tablado no Rio de Janeiro em Julho de 1984.

Os fatos acontecem como nos contos de fadas em uma cidade imaginária que representa o Brasil, em um período parecido com a renascença européia, mas bem brasileiro e com características dos nossos tempos modernos.  Nessa história, Rei, Rainha e côrte lutam juntos com o povo contra um perigo não identificado, personificado em um dragão de origem animal que pode simbolizar tantas coisas.

Nesta versão que foi apresentada no ICBIE o verdadeiro perigo é individuado no crack e no bandido traficante “Dragão Preto” que o vende e que é representado como um monstro da vida real. O povo então decide lutar em uma guerra que é  quase impossível vencer; mas a comunidade  quer acabar com essa calamidade do crack propondo a vitória do amor, da fé e da coragem contra esta droga pesada  que mata tantas vitimas que na maioria são inocentes.

TRAMA

A cidade imaginária de Campos é massacrada por mortes devido ao uso do crack, droga terrível que não perdoa quem faz uso dela. O bandido traficante Dragão Preto é quem vende a droga e além de matar as pessoas com o crack, com muita crueldade, mata também com a sua metralhadora. Ninguém consegue prendê-lo, a polícia com armas modernas e os cidadãos organizados tentaram de tudo, porém ele fica sempre mais forte. O Prefeito desesperado tenta oferecer aos combatentes corajosos vários prêmios, mas não é convincente até não oferecer em esposa a mais bela jovem da cidade, a sua filha Aurora. Três cavalheiros treinados pelo famoso mestre de armas Golias, se propõem para combater o terrível traficante, e também um estranho pretendente mascarado que em nome do amor se junta aos três.

No combate contra o Dragão os três ficam feridos e machucados; mas será que o  mascarado irá vencer em  nome do amor pela linda Aurora?

Cidade em Perigo Cidade em Perigo

Cidade em Perigo Cidade em Perigo

Yes, the performances are finished and up to the last minute there was suspense whether the show could go on or not, because of the usual absences or impediments of various participants… if it weren’t for Silvia, Meg, Marlene, Marcella, Fabio, but also with the passion that Bigod and Julio showed, giving us a hand and substituting missing actors… and finally Lais, Lu’s daughter who quickly learned the part of an actress missing for the last show on Saturday. All said,  palpitations and the rattled nerves right through to the final performance on Saturday, which was truly moving, with an extraordinary reception by the audience: all fifty seats were taken and we had at least thirty others standing in the back.  All the parents came, obviously, and friends and lots of other people in the neighborhood, including Rominil who loved the show and other people who normally don’t come to the ICBIE, both adults and young kids who started crying when the terrible Dragon appeared in the dark… but who at the end were overjoyed when he was killed. In short, Saturday was the final triumph with a big party together with all the spectators and everyone brought food and drinks to feed the starving actors… but unfortunately there was nothing alcoholic! Paranaguà, Andrea Gandolfi from Bologna, Mauro Porru, Carlo Loria his family, Raoul Poleggi and other theater people all expressed heartfelt compiments for the music, the talents of the young actors, the scenery by Bigod, the direction and the revision of the script, for its edifying social message. Three of the photos are mine but the rest are by our guest from São Paulo, Daniel Varoni, who deserves credit for them. But I believe that Paranaguà will also send his own, taken on Saturday night, with a bigger crowd.  The present photos are from the second performance, on Friday.

Introduction

City in Danger is Pietro Gallina’s updated version, with music by J. Cabral arranged by Roy Zimmerman, of the famous theater play O Dragão Verde by Maria Clara Machado, which debuted at the Teatro Tablado in Rio de Janeiro in July, 1984.

The events happen as in a fairy tale in an imaginary city that is modeled upon Brazil, in un period that seems like the European Renaissance but is thoroughly Brazilian and with characteristics of contemporary life.  In this story, the King, Queen and court struggle together with the people against a non-identified danger, personified by a dragon, an animal that can symbolize many things.

In this version presented at the ICBIE, the true danger becomes crack and “Black Dragon,” the bandit drug dealer who sells it and who is shown as a monster in real life.  The people then decide to fight a war that is almost impossible to win; but the community wants to stop the calamity of crack through a victory of love, faith and courage, against this hard drug that kills so many victims, the majority of whom are innocent.

PLOT

The imaginary city Campos is devastated by deaths caused by the use of crack, a terrible drug that does not pardon those who use it.  The bandit dealer Black Dragon sells the drug and, as well as killing people with crack, he also cruelly kills with his machine gun. No one manages to capture him, the police with modern arms and the organized citizens try everything, but he always proves to be too strong. The mayor, in desperation, tries to offer various prizes to the most courageous combattants, but that doesn’t work until he offers the hand of the most beautiful girl in the city, his daughter Aurora. Three knights, trained by the famous master of arms Golias, come forward, offering to combat the terrible dealer, but also a masked stranger who in the name of love comes forward with the other three.

In combat with the Dragon, the three knights are beaten and injured; can it be that the masked one who came to win in the name of love will be the one to marry the beautiful Aurora?

Cidade em Perigo Cidade em Perigo

Cidade em Perigo Cidade em Perigo

Cidade em Perigo

Cidade em Perigo Cidade em Perigo

Cidade em Perigo Cidade em Perigo

Cidade em Perigo Cidade em Perigo

Cidade em Perigo Cidade em Perigo

Cidade em Perigo Cidade em Perigo

Cidade em Perigo

Cidade em Perigo

Cidade em Perigo

  1. Hey there would you mind letting me know which
    web host you’re utilizing? I’ve loaded your blog in 3 different web browsers and
    I must say this blog loads a lot quicker then most. Can you suggest
    a good web hosting provider at a honest price? Kudos, I appreciate it!

Leave a Reply

Powered by >Slogin_coop